Ericsson_telefonplan_20050902_001

ESTOCOLMO (Reuters) – A fabricante de equipamentos para telecomunicações Ericsson planeja demitir milhares de trabalhadores este ano e está considerando grandes cortes adicionais de custos para lidar com a desaceleração de mercados, publicou o jornal Svenska Dagbladet (SvD) nesta terça-feira, citando fontes.

Depois que a companhia decepcionou o mercado com a divulgação de lucro e vendas trimestrais em abril, a Ericsson afirmou que investimento mais lento em redes de telefonia na Europa e América Latina vai exigir novos cortes de custos, mas não informou o tamanho das reduções.

O SvD afirmou que a Ericsson planeja demitir entre 3 mil e 4 mil trabalhadores este ano e que outros milhares poderão ter de deixar a empresa mais adiante.

A Ericsson não comentou o assunto, mas reafirmou que está no caminho para conseguir economias de custo de 9 bilhões de coroas suecas até 2017 ante níveis de 2014.

A companhia empregava 115.300 funcionários até o final do primeiro trimestre ante 116.300 no final do ano passado.

(Por Sven Nordenstam)

Imagem: Divulgação/Internet

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *