heineken-830x553
Após acumular prejuízos, grupo Kirin está decidido a deixar o Brasil (Foto: Pixabay)

Cervejaria holandesa vai comprar a Brasil Kirin, empresa responsável pela fabricação das cervejas Schin e Devassa

A cervejaria holandesa Heineken está prestes a comprar a Brasil Kirin, empresa de bebidas do grupo japonês Kirin Company, responsável pela fabricação das cervejas Schin e Devassa.

Segundo fontes ligadas às negociações, o grupo japonês está decidido a sair do Brasil e pretende finalizar a transação já em fevereiro. Segundo as fontes, a Brasil Kirin será vendida por menos de US$ 2 bilhões.

O grupo Kirin chegou ao Brasil em agosto de 2011, quando comprou 50,45% da Schincariol, por US$ 2,56 bilhões, dando origem à Brasil Kirin. Em novembro do mesmo ano, o grupo adquiriu da família Schincariol os 49,55% restantes da cervejaria por US$ 1,4 bilhão.

O grupo esperava obter um retorno de R$ 2,5 bilhões no Brasil, porém, até 2015, só acumulou prejuízos. Até setembro do ano passado o prejuízo era estimado em R$ 4,23 bilhões. Diante disso, a matriz do grupo começou a buscar formas de deixar o Brasil.

Agora, o temor é que a aquisição culmine no corte de funcionários. Com 12 fábricas e 20 centros de distribuição, a Brasil Kirin tem cerca de 11 mil funcionários. Segundo as fontes ligadas à negociação, a aquisição pela Heineken vai reduzir em 40% o pessoal contratado.

Opinião & Noticia

Fontes:
Valor-Compra da Brasil Kirin pela Heineken está próxima

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *