20120330171713_660_420

O número de chips de telefonia móvel do Brasil apresentou queda de 3,9% nos últimos 12 meses terminados em setembro. Este número significa uma redução nas vendas de 9,9 milhões de chips.

Em setembro foram adquiridos 155 mil novos chips, o que representa uma variação de 0,06% em relação ao mês de agosto. De acordo com Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), a queda pode ser explicada pela diminuição da prática de uso múltiplo de chips.

A queda refletiu nas principais operadoras do setor. A Oi registrou redução de 5 milhões de linhas (10,7%); a Claro, de 3,2 milhões de linhas (-5%); e a TIM, de 3,16 milhões de linhas (-4,98%). Entre as grandes empresas do setor, somente a Vivo obteve resultado positivo, com 1,1 milhão de novos chips vendidos (1,5%).

Quando observada a redução de linhas por estado, a queda atingiu mais a região Nordeste. A redução foi maior em Alagoas (-8%), Ceará (-7,9%), Pernambuco (-7,7%) e Rio Grande do Norte (-7.4%). Os estados com perdas menores foram São Paulo (-0,6%), Mato Grosso (-1,44%), Mato Grosso do Sul (-1,73%) e Roraima (-1,59%).

 por Caroline Nunes

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *